Usar teclas ‘Ctrl-Alt-Del’ como atalho no PC ‘foi um erro’, diz Bill Gates

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

O cofundador da Microsoft, Bill Gates, disse que o atalho de teclas para entrar no PC, “Ctrl-Alt-Del”, foi um erro. Em entrevista para uma campanha de arrecadação de fundos na Universidade de Harvard, o bilionário disse que “forçar os novos usuários de PC a pressionar três teclas ao mesmo tempo foi uma péssima ideia”. Ele culpou a IBM pelo fato.

ctrl-alt-del

Gates disse que a Microsoft queria que apenas um botão no teclado fosse o responsável por fazer os usuários entrarem no Windows e também reiniciasse programas, mas que “a pessoa responsável pelo design do teclado na IBM não quis este único botão”.

Ele disse, contudo, que o uso de três botões foi para evitar que outros programas criassem uma tela de login falsa e roubasse senhas e credenciais do usuário. “Foi um erro”, disse.

O criador da combinação “Ctrl-Alt-Del”, David Bradley, da IBM, que foi responsável pela criação do primeiro PC da empresa. O mecanismo foi originalmente criado para ser um “atalho” para reiniciar o computador. Embora a combinação seja conhecida por usuários de PC de todo o mundo, Bradley diz que foi Gates quem a tornou popular.

Nos últimos meses, Gates admitiu outro erro, desta vez da Microsoft. Em fevereiro, ele disse que a companhia errou ao entrar tarde no mercado de computadores portáteis, tablets e smartphones. Hoje a empresa corre atrás para concorrer com o iPad, da Apple, com o seu tablet Surface, e aposta na compra da Nokia para popularizar aparelhos e o sistema operacional Windows Phone.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *